Categoria: Estar em linha

A dieta dos 10% para perder peso

Evitar os alimentos que você adora é garantia de fracasso na guerra contra os quilos a mais. Quando veio me visitar, minha amiga de 35 anos e dois filhos estava um pouco mais de 20 quilos acima do peso. Ela lutou contra esse problema por toda a vida, apesar de ter seguido centenas de dietas desde os 20 anos de idade. A única coisa que conseguiu foi engordar e emagrecer constantemente.

O problema com as tentativas anteriores foi que todas as dietas as quais ela havia se submetido eliminavam por completo os alimentos deliciosos e engordativos que ela adorava e que seus filhos sempre consumiam. No meio da tarde, quando se sentia física e emocionalmente exausta, ela não conseguia deixar de “beliscar” coisas proibidas – geralmente as guloseimas de seus filhos, como biscoitos doces e salgados ou balas. Depois, como sentia que o dia já estava arruinado de qualquer maneira, em vez de apenas beliscar o que considerava “comidas ruins”, ela se empanturrava. É claro que prometia solenemente que reiniciaria a dieta no dia seguinte. Esse ciclo – privação, desejo, compulsão – perdurava por vários dias, ou mesmo semanas, até que a mulher se dava totalmente por vencida.

O que aconteceu com minha amiga é muito comum. De acordo com um estudo realizado recentemente, apenas uma em cada quatro pessoas que começam uma dieta consegue manter o peso perdido. Conheci milhares de indivíduos que recuperam os quilos e sempre observo o mesmo padrão nessas tentativas fracassadas: eles tentam perder peso com um regime radicalmente diferente daquele que estão acostumados a seguir no dia a dia.

A ideia é que entre 80 e 90 por cento das calorias consumidas diariamente provenham de refeições nutritivas e, entre 10 e 20 por cento, de tentações deliciosas

Essas pessoas são candidatas perfeitas para o que eu chamo de plano de emagrecimento 90/10.

Elaborei este plano com base nos princípios de uma perda de peso saudável e a longo prazo, os quais foram consagrados pelo tempo: controle das porções e satisfação das vontades alimentares. A ideia é que entre 80 e 90 por cento das calorias consumidas diariamente provenham de refeições nutritivas e, entre 10 e 20 por cento, de tentações deliciosas. Como o plano inclui os alimentos desejados e adorados e também as refeições nutritivas, você se sentirá satisfeito, tanto física como emocionalmente. Mesmo depois de alcançar o peso ideal, é possível incorporar facilmente o plano 90/10 em seu dia a dia, pois tudo o que seu organismo precisa e deseja faz parte do programa. Para começar, escolha um dos dois níveis calóricos para perder peso: o de 1.400 calorias ou o de 1.600 calorias diárias. (Veja a tabela nesta página e descubra qual o melhor plano para seu caso.)

Minha forma de ajudar é fornecer diretrizes sobre o quanto você pode comer (veja a tabela), mas a decisão de quais alimentos “gostosos” farão parte da recompensa é sua: até 250 calorias de biscoitos doces, batatas fritas, bolo, vinho ou nozes. E o melhor de tudo é que você pode satisfazer seus desejos a qualquer hora do dia.

Não falamos de uma ciência exata aqui. Na verdade, o plano é uma estratégia de controle do peso que pode durar por toda a vida. Se você tiver a certeza de que é possível satisfazer seus gostos mesmo se estiver de dieta, o sucesso será garantido. Nenhum alimento é proibido; mas você precisa aprender como incluir todos no regime e consumir as porções corretas.
De acordo com o plano e com as guloseimas escolhidas, a dieta pode ser 80% saudável e 20% livre, ou até 100% saudável.

No caso da minha amiga, o plano foi organizado da seguinte forma: ela escolheu o nível de 1.600 calorias. Em virtude de seu histórico de compulsões, eu fiquei preocupado com o fato de que uma menor quantidade de calorias pudesse deixá-la insatisfeita e em risco de voltar aos excessos usuais. Ela decidiu comer a guloseima no meio da tarde, porque era quando seus filhos costumavam lanchar, além de ser o horário em que sempre surgia a vontade de comer algo gostoso. Como se sentia satisfeita, ela conseguia superar o obstáculo das compulsões e terminar o dia com um jantar saudável. Meu conselho foi: se cometesse excessos em uma refeição, ela não deveria dar o dia como perdido, mas simplesmente eliminar a guloseima do meio da tarde.

Minha amiga e eu também conversamos sobre a importância da academia. Estudos comprovam que as pessoas que praticam exercícios têm maiores probabilidades de não engordar novamente. Aconselho meus pacientes a fazerem entre 20 e 60 minutos de exercícios aeróbicos de três a cinco vezes por semana. Como minha amiga tinha pouco ou nenhum tempo livre para ir à academia, sugeri que comprasse vários vídeos com exercícios e praticasse na sala de estar. Em outras ocasiões, enquanto seu filho mais velho estivesse na escola, ela poderia levar o caçula para passear no carrinho e caminhar rapidamente.

a dieta pode ser 80% saudável e 20% livre

Com o plano 90/10, minha amiga conseguir perder mais de três quilos em apenas 14 dias. Depois de dois meses e meio, ela pesava nove quilos a menos e se sentia muito bem, além de ter melhorado a aparência. Após mais dois anos, minha amiga conseguiu eliminar todo o excesso de peso que sofria e emagreceu mais outro quilo. E, melhor ainda: ela não classifica mais os alimentos como “bons” ou “ruins” e continua a escolher alimentos saudáveis por 90% das vezes, sem deixar de satisfazer sua necessidade de variar e se deliciar no restante do tempo. Finalmente ela encontrou uma dieta que pode seguir a longo prazo.

Agora, vamos ver como o plano 90/10 beneficiou um amigo do meu irmão, um executivo de 50 anos de idade chamado Esteban. Ele estava nove quilos acima do peso e sentia-se gordo, lento, pouco atraente e desconfortável em suas roupas, mas afirmava que nenhuma dieta se ajustava a seu estilo de vida “acelerado”. Pedi que anotasse em um caderno tudo o que comesse durante cinco dias e levasse essas informações para nossa primeira consulta. Segundo as anotações, seu dia começava com uma xícara de café com creme, adoçada com açúcar. No almoço, ele comia um rissole de milho ou um pão untado com requeijão e bebia suco de laranja. Não é de se estranhar que sentisse dores de cabeça e cansaço à tarde.

Várias noites por semana, Esteban jantava um prato suculento em um restaurante. Depois de não comer praticamente nada de satisfatório ou nutritivo durante todo o dia, ele chegava na hora do jantar com uma fome voraz, a qual satisfazia com pão com manteiga, três doses de bebida alcoólica, um bife grande, batata assada com sour cream e manteiga, espinafre com molho branco e uma fatia de torta. Com base em suas medidas e estilo de vida, o plano de 1.600 calorias me pareceu o mais razoável. Juntos, planejamos um café da manhã encorpado, nutritivo e equilibrado, além de um almoço delicioso e simples ao mesmo tempo.

Ao comer frutas e iogurte no café da manhã e almoçar uma sopa e uma salada, ou uma salada e um sanduíche, – por exemplo, de peito de peru com alface, tomate e duas fatias de queijo em um pão integral – ele foi capaz de manter o nível de energia alto e eliminar definitivamente suas dores de cabeça vespertinas.

Para não sentir tanta fome à noite, Esteban lanchava algo saudável e de baixo teor calórico à tarde. Depois, no jantar, recompensava-se com alguns de seus alimentos “gostosos” preferidos: morangos com um pouco de chantilly, uma bola de sorvete de baunilha com cobertura de chocolate, um pequeno pedaço de bolo ou duas fatias de pão adicionais.

Ele também poderia optar por beber duas taças de vinho durante o jantar. Como entrada, poderia comer um bife de tamanho médio, embora minha sugestão tenha sido alternar a carne vermelha por porções de frango ou peixe grelhado para baixar suas taxas de colesterol, que estavam um pouco altas. Esteban substituiu sua habitual batata assada repleta de gordura e o espinafre ao molho branco por saladas e muitos vegetais cozidos no vapor. E, claro, passou a beber café com leite desnatado no lugar do creme e do açúcar.

Para obrigá-lo a fazer um pouco de atividade física todos os dias, convencei-o a subir e descer as escadas no trabalho e a estacionar o carro a cerca de 800 metros de distância do prédio onde ficava o escritório. (Um método muito bom para alguém que jurava que não tinha tempo de praticar exercícios.) O que mais deixou Esteban surpreso foi que, apesar de todos os alimentos satisfatórios a sua escolha, ele consumia apenas 1.600 calorias por dia, o que garantia a perda de peso. E, de fato, Esteban emagreceu 4,5 quilos em apenas 14 dias, e ainda mais durante as semanas seguintes. Suas taxas de colesterol se normalizaram e sua pressão artéria, que estava alta, caiu o suficiente para que ele parasse de tomar remédios. Quatro anos depois do início da dieta, Esteban não recuperou o peso perdido.

Esteban é um excelente exemplo de uma pessoa presa a hábitos alimentares que, durante muito tempo, pareciam impossíveis de mudar. As muitas evidências do plano 90/10 o convenceram de que perder peso e realizar pequenos desejos são coisas compatíveis.

Confira 3 maneiras de sentir mais prazer no sexo

São diversos os benefícios de fazer sexo para nossa saúde física e mental. Distintas pesquisas comprovam que quem faz sexo com mais frequência vive mais, devido a todas as vantagens que essa prática traz à saúde.

testomaster

Por exemplo, fazer sexo com frequência aumenta a imunidade do seu corpo, diminui o estresse, melhora a saúde do coração, diminui o risco de desenvolver câncer e problemas cardíacos, melhora a autoestima, e por aí vai…

Há também quem garanta que o sexo tem o mesmo efeito de uma atividade aeróbica, proporcionando sensações de bem-estar, queimando calorias e sendo, é claro, um exercício físico muito prazeroso.

Por isso, levar uma vida saudável física e mentalmente também envolve manter uma vida sexual ativa e prazerosa. Para maximizar seu prazer durante o sexo, confira 3 ótimas dicas abaixo:

Consuma alimentos que contém zinco

O zinco é um mineral essencial para a produção de testosterona, principal hormônio masculino, ligado ao desejo sexual. Quanto mais testosterona, maior libido e energia disponível para o sexo – consequentemente, maior prazer durante a relação. Os alimentos ricos em zinco são as amêndoas, o amendoim, o leite, o feijão, o iogurte, as ostras, o peru, o frango, entre outros.

Além do zinco, você também pode consumir alguns alimentos afrodisíacos, que aumentam a libido. Entre eles estão a banana, o salmão, o abacate, a melancia, o chocolate, a pimenta e o morango.

Tome seu tempo com as preliminares

Tirar a roupa e pular na cama sem os devidos flertes preliminares não é uma boa opção. As mulheres, principalmente (mas os homens também) precisam que se crie um clima favorável ao sexo para se sentirem excitados.

Sentir desejo antes da consumação do ato sexual é importantíssimo para um sexo prazeroso. O desejo desencadeia a excitação, que se apresenta pela ereção nos homens e pela lubrificação vaginal nas mulheres. Pular essa etapa, portanto, não é uma boa ideia. É necessário saber que os dois estão devidamente “no clima”.

Para as preliminares, é bom apostar em um jogo de sensações, fazendo com que cada ato seja estimulante e incite ainda mais a/o parceiro/a.

Experimente o suplemento Testomaster

Testomaster é um suplemento desenvolvido para homens que querem maximizar seu prazer durante o sexo. Com uma fórmula original que combina vitaminas, minerais (o zinco, inclusive!) e substâncias afrodisíacas, como a maca peruana, esse suplemento age aumentando os níveis de testosterona, a energia e o apetite sexual.

Além disso, Testomaster funciona também para promover a melhor circulação sanguínea nos corpos cavernosos do pênis, expandindo-os e ampliando-os, o que gera ereções mais longas. Sua eficácia foi comprovada por um estudo científico que estudou 20 homens que tomaram o suplemento por três meses. Todos relataram apresentar maior libido e melhor desempenho sexual.

Sem causar efeitos colaterais por ser feito 100% de ingredientes naturais, Testomaster pode ser utilizado por qualquer homem que queira maximizar suas ereções e seu prazer no sexo. Está no formato de cápsulas, tornando seu consumo muito prático.

Portanto, se você sofre com a falta de energia, baixo apetite sexual, ou dificuldade em manter relações sexuais satisfatórias, ou simplesmente quer potencializar suas ereções, invista nesse suplemento!

Praticar exercícios físicos promove a saúde mental

Não é segredo para ninguém que realizar uma atividade física de qualquer natureza ajuda o corpo como um todo. Por isso, hoje trago algumas razões para você se convencer de que praticar exercícios físicos promove mais a saúde mental do que outras coisas que você pode fazer. Quando o seu corpo está em movimento para exercer a força dos músculos, você pode evitar a obesidade a todo custo deixando para trás a vida sedentária.

Praticar exercícios físicos promove a saúde mental

É uma das coisas que o seu corpo vai agradecer com o passar dos anos, porque, à medida que entramos na idade madura, vão se acumulando nas nossas mentes o fardo de cumprir as responsabilidades da família, trabalho e contas a pagar. Isso vai deteriorando a atividade mental, fazendo a pessoa perder até a capacidade de responder rapidamente às adversidades da vida. Por essas e outras tantas razões, os exercícios físicos são fundamentais para ter uma vida saudável e cheia de energia.

Razões importantes para praticar exercícios físicos para a saúde mental

A vida sedentária leva as pessoas a desenvolverem um sem-número de doenças silenciosas sem serem capazes de perceber, porque elas vão tomando forma na mente. Isto começa a ficar evidente quando os seus pensamentos se tornam depressivos, tristes e estressados. Portanto, você precisa evitar continuar dessa maneira para que a sua mente seja capaz de ficar em forma, por essas e pelas seguintes razões:

  • Quando você é capaz de ativar o seu corpo por pelo menos meia hora por dia, sua mente se exercita de tal de tal forma que você pode eliminar o estresse que tanto lhe agonia.
  • Fazer qualquer atividade física produz um aumenta a quantidade de oxigênio que chega ao nosso sangue, o que faz com que as células do cérebro sejam oxigenadas e melhora a nossa capacidade mental.
  • É comprovado que quando se faz qualquer atividade física contínua, além de melhorar a saúde, aumenta-se sobremaneira a capacidade de resposta a qualquer estímulo. Essa é uma das razões mais importantes para praticar exercícios, porque isso traz consequências positivas às nossas funções cotidianas, já que o sistema nervoso e nosso cérebro são ativados para melhorar nossa capacidade cognitiva.
  • Os exercícios físicos previnem enfermidades como o Alzheimer, a depressão, a solidão e a baixa autoestima.
  • É fato que quanto fazemos um esforço pequeno como subir escadas ou até mesmo correr atrás de nossos filhos, a respiração tende a se acelerar, o que é benéfico para nossa corrente sanguínea, porque acelera a circulação.

Exercícios físicos que combatem as doenças mentais

As atividades físicas são as melhores armas para combater as enfermidades mentais. Quando você está em movimento, o cérebro pode sentir as pulsações no momento em que se acelera o coração e a circulação aumenta em todo o corpo. Os seguintes exercícios são extraordinários para deixar a depressão e a tristeza longe.

É recomendável praticar tênis, basquete, andar de bicicleta, correr, brincar, saltar e até dançar. Com esses exercícios, o nível de estresse e tudo que está relacionado a ataques depressivos somem da sua vida de maneira surpreendente. Isso porque essas atividades ativam as endorfinas, causando na nossa mente uma sensação de prazer e mudando a maneira como enxergamos a nós mesmos.

Os exercícios físicos mudam a nossa maneira de pensar

Os exercícios físicos são uma fonte muito boa para relaxar após longos dias de trabalho, e permitem que a nossa mente mude o que pensamos de nós mesmos, porque melhora nossos níveis de autoestima de maneira impressionante. Eles trazem uma enorme sensação de bem-estar dentro de nós e também com os demais.

A atividade física melhora todo o nosso corpo, não apenas fisicamente, mas também a nível espiritual e pessoal. Nos faz sentir mais enérgicos e cheios de vida, e nos permite melhorar nossa saúde mental em todas as áreas de nossa vida.

5 benefícios dos exercícios físicos para a sua saúde integral.

O intenso cotidiano tem tornado as pessoas cada vez mais sedentárias. Todos os dias, aparecem aplicativos que permitem fazer compras e resolver diversos problemas na comodidade do lar, apenas movendo o dedo na tela do seu dispositivo móvel, sem que seja necessário sair de casa. Por isso, hoje apresento 5 benefícios que a prática de exercícios físicos traz para a sua saúde integral, o que vai fazer você levantar a bunda da cadeira agora mesmo e sair correndo.

enmagrescer

Devido a fatores como o consumo de junk food e o hábito de manter o corpo sem realizar nenhum exercício físico, notamos um aumento alarmante no número de pessoas obesas no mundo todo. Jamie Oliver, por exemplo, um renomado chef internacional, está investindo em uma dura batalha contra os restaurantes fast food, porque o que eles oferecem em seus menus são alimentos com muitas calorias e poucos nutrientes, um problema com o qual temos que prestar atenção se queremos ter uma vida saudável.

Se você é apaixonado pelos hambúrgueres com queijo derretido e uma boa porção de batatas fritas, já é tempo de começar a queimar essas calorias com valor agregado que estão depositadas no seu corpo. O exercício físico traz inúmeros benefícios que certamente você terá interesse em saber se é um amante desse tipo de comida que, apesar de deliciosa, repercute diretamente na estética e na vida saudável que você deveria promover diariamente.

Tipos de exercícios recomendados para promover a saúde física.

A atividade física estimula a sua mente, mas principalmente desenvolve o bem-estar físico que necessitamos na nossa vida diária. Entre os exercícios mais recomendados, temos:

– Muitas pessoas estão descobrindo os benefícios da prática de yoga, uma técnica que ajuda a desenvolver a elasticidade de cada fibra do corpo e promove o equilíbrio entre a mente, o corpo e o espírito. Esse tipo de exercício ajuda a conquistar a saúde integral que todos estamos buscando, porque acalma as emoções da alma.

– Exercícios de alto impacto, que exigem um grande esforço do seu corpo para realizar séries exaustivas, desenvolvendo a resistência e estimulando a queima de gordura.

– Esportes como a natação, a corrida, o tênis, futebol e basquetebol são alguns que você pode praticar para queimar a gordura e eliminar esses quilos a mais que vêm incomodando há tempos. Eles exigem que você utilize todos os músculos do corpo e, além disso, é necessária uma alta concentração mental para que seus movimentos sejam realizados.

5 benefícios que o exercício físico traz ao seu corpo.

A prática de exercícios físicos ajuda o seu corpo a ter vitalidade, é uma das soluções mais efetivas para manter-se saudável integralmente. Com a acelerada rotina dos dias de hoje, porém, ela tem sido deixado de lado com a desculpa da “falta de tempo”, e apenas quando nos deparamos com uma grave doença é que despertamos do sedentarismo e da falta de compromisso com nós mesmos. Aqui, vou listar os 5 benefícios que considero os mais fundamentais a levar em conta para se exercitar e melhorar a qualidade de vida.

1- Melhora consideravelmente a digestão e acelera o ritmo intestinal, ou seja, se você sofre de prisão de ventre, o exercício físico ajudará a ir com mais frequência ao banheiro.

2- Ajuda a se livrar do estresse de maneira surpreendente, pois você deixa de se preocupar com coisas irrelevantes e passa a ter mais tempo para cuidar de si, do seu próprio bem-estar.

3- Ajuda a desenvolver os músculos, que são muito importantes para ter qualidade de vida na idade adulta e, principalmente, na terceira idade.

4- Ajuda a nivelar o açúcar no sangue, controla a pressão arterial e é uma forte arma para combater o diabetes tipo 2.

5- Combate a obesidade, que tanto perturba a humanidade nessa sociedade caótica.

Se você prestar atenção, vai ver que esses benefícios são fundamentais para melhorar a sua saúde integral de maneira surpreendente e, quando você tem o compromisso com a sua vida, melhora todas as funções do seu organismo.

A alimentação como fonte de saúde para todo o seu ser

É certo que você já leu ou escutou uma infinidade de vezes a frase “nós somos o que comemos”. No entanto, isso parece passar despercebido por milhões de pessoas que estão cada vez mais obesas, devido às más decisões na hora de ir para a mesa. Por isso é tão importante ver a alimentação como fonte de saúde para todo o seu ser. Isso é fundamental para uma vida sem enfermidades e muito ativa.

A alimentação como fonte de saúde para todo o seu ser

Cada vez mais a população tem experimentando um aumento no número que aparece na balança quando se pesa. Muitas vezes, acontece um efeito dominó, pois quanto mais sedentária a pessoa é, mais difícil é realizar qualquer atividade simples, que já a deixa com a língua de fora. Assim, a pessoa se torna cada vez mais lenta e seu cérebro começa a atrofiar pela falta de oxigenação e irrigação do sangue.

As pessoas obesas, além disso, começam a sofrer com a diabetes tipo 2, pressão arterial elevada, cansaço estremo, estresse e um sem-número de patologias que as fazem ter uma vida sem entusiasmo e cheia de medicamentos e limitações. Aqui, falaremos sobre como retomar hábitos que vão levar você a um estilo de vida saudável e divertido.

Elementos imprescindíveis para a sua saúde integral

Para levar uma vida saudável, requer-se colocar em prática certos hábitos que ajudarão você a ter uma longevidade ativa e repleta de energia. Para isso, aconselho incluir os elementos abaixo de maneira contínua, para obter resultados favoráveis para a saúde do seu corpo, mente e alma.

  • Praticar exercícios é um dos elementos que não podem faltar no seu dia a dia. Isso levará você a eliminar a gordura acumulada e, por consequência, perder peso. Você ativará a circulação do sangue e fará com que o seu cérebro se beneficie de maneira impactante da atividade que você decidiu praticar, devolvendo a agilidade aos seus pensamentos na tomada de decisões.
  • Ter uma alimentação balanceada fará com que o seu organismo se nutra adequadamente para ter a energia, a força e o vigor com vitaminas, minerais e componentes nutritivos que o corpo requer para ficar completamente saudável
  • Descansar é outro elemento básico para ter uma vida livre de estresse e de problemas como insônia, nervosismo e depressão. Foi comprovado que podemos até perder peso quando dormimos um mínimo de 7 horas diárias.

7 alimentos que não podem faltar nas suas refeições

Sabemos que a correria do dia a dia muitas vezes nos obriga a fazer nossas refeições fora de casa. Isso nos leva aos restaurantes de fast food, por serem opções econômicas, atrativas e rápidas. Mas é preciso tomar muito cuidado com tudo o que você ingere se a sua intenção é ter um corpo são e cheio de vitalidade. Aqui, apresentamos a você 7 alimentos que não podem faltar nas suas refeições diárias.

  • Vegetais verdes que proporcionam fibra natural vão manter você saciado por muito mais tempo.
  1. Aveia: essa é uma fonte excelente de carboidratos completos para começar bem o dia. Ela ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue, o que evita o depósito de gordura no seu corpo.
  • Grãos: são fontes estupendas de proteína e de carboidratos, fornecem fibras e mantêm você saciado quando combinados com vegetais.
  • Proteínas à base de frango, peixes como o atum, salmão, sardinha e ovos, que permitem aos seus músculos manterem-se alimentados e sãos.
  • Leite e iogurte sem gordura. É o aporte de cálcio e gorduras naturais que o seu corpo precisa.
  • Frutas: elas fornecem antioxidantes, que ajudam a prevenir muitas doenças desastrosas.
  • Frutas secas: elas fornecem energia e gorduras saudáveis, importantes para a saúde do seu cérebro e de todo o seu ser. É muito importante incluir cada um desses alimentos, para que você sinta sempre a vitalidade imprescindível para a qualidade de vida.

3 razões porque a obesidade é nociva para a sua saúde

Não é segredo para ninguém que a obesidade é capaz de se apoderar das nossas vidas desde cedo. Não se estão medindo suficientemente bem as consequências da má alimentação, da falta de exercícios físicos e de compromisso que existe entre nosso corpo e nosso estilo de vida.

3 razões porque a obesidade é nociva para a sua saúde

Quando começamos a comer de forma desmedida, não lembramos que, se não fizermos atividades físicas para queimar a gordura gerada em nossos corpos, ela se instala de maneira indefinida, até que chega uma doença para nos recordar que está na hora de fazer alguma coisa contundente para evitar a obesidade mórbida que está afetando a população.

Sintomas evidentes da obesidade que prejudicam a sua saúde

As pessoas que amam a comida até o ponto de converterem-se em obesos não se dão conta que, no fundo, têm um problema. Por isso, se você vê os sintomas aflorando, fique atento e comece a se mexer para fazer alguma coisa imediatamente. Alguns dos principais sintomas da obesidade são:

  • Dificuldade para respirar quando sobre escadas de qualquer centro comercial.
  • Cansaço físico extremo.
  • Insônia.
  • Começa a roncar sem causa aparente.
  • Dores de cabeça frequentes.
  • Dores nas articulações.
  • Depressões constantes.
  • Vermelhidão na pele, nas dobras dos braços e pernas.
  • Suor excessivo e recorrente.
  • Calor contínuo, sentir-se sufocado por qualquer atividade, por menor que seja.
  • Dor nas costas.

Causas da obesidade

Entre as causas que podem nos levar até a obesidade, temos:

  • Má alimentação: por décadas, temos visto como as pessoas fazem fila em restaurantes de fast food, porque é uma opção fácil e prática quando estamos na rua e não temos tempo suficiente para preparar a nossa própria comida. Essa solução faz com que você vá aumentando de peso pouco a pouco, o que começa a ser perigoso para a saúde.
  • Outra causa muito comum é a vida sedentária, notada em 90% das pessoas que aumentam de peso a ponto de causar prejuízos ao corpo. Isso é resultado de um consumo de calorias maior do que o que é queimado, o que leva uma pessoa até a linha ascendente da obesidade mórbida se nada é feito para mudar o cenário.
  • Os altos níveis de estresse fazem com que você recorra diretamente à comida para aliviar os ataques de ansiedade contínuos. Se você não começa a mudar os seus hábitos e o seu estilo de vida, chegará aos 30% que se aproximam cada vez mais do grupo dos obesos mórbidos.
  • Ao deixar de descansar pelo menos 8 horas por dia e ter uma noite de sono profundo, você evita perder peso e ganhar massa muscular, que é uma das coisas que levam você a melhorar a sua saúde física todos os dias.
  • Pular refeições pode fazer você engordar de maneira sistemática. O metabolismo vai minguando à medida que você não o coloca a trabalhar na queima de calorias.

Como combater a obesidade?

A obesidade é uma das doenças mais desastrosas que qualquer ser humano pode desenvolver. Mas isso tem solução se você detectar a tempo os sintomas indiscutíveis que o seu corpo lança como sinais para que você faça algo a respeito.

  • Queime mais calorias do que você ingere, o que você pode alcançar caminhando pelo menos 1 hora todos os dias.
  • Se você gosta muito de comer, trate de comprar alimentos naturais, ricos em fibras, que façam você sentir paixão quando os come, mantendo os níveis de açúcar no sangue e saciando o seu apetite.
  • O consumo de certos suplemento alimentares pode ajudar. O suplemento Goji life emagrece e é de origem natural, é formulado a partir da fruta Goji Berry, a qual tem comprovados benefícios.

Faça o essencial para não chegar à obesidade, para que a sua saúde não piore e para que você possa manter um estilo de vida que o motive a estar em forma o tempo todo.